Dançando Entre Lírios mortos,Livro de poesias de Marcos Antônio Filho(Fábrica de livros,15 Reais)
maiores informações em marcos.antoniofilho@gmail.com ou no próprio blog

sábado, 13 de janeiro de 2007

I will miss you tonight

Era mais um suspiro de saudades, combinados com os passos de volta pra casa. Mais um dia sem seu amor.Quisera tanto a liberdade, tivera e sentiu o qual amargo seu gosto. Queria seu amor de volta, mas ele está longe, queria ter a coragem pra dizer de seu arrependimento, que a vida havia dado uma rasteira e ela vira o quanto o amava... Cometera um erro tão infantil na busca desenfreada pela a ambição de bem sucedida profissionalmente, e falhara na sua área sentimental. Uma leve garoa climatizava sua rua, deixando com uma brisa de outono a estação primaveril. Seus passos eram apressados, não pela chuva, mas sim pela a vontade orgânica de chorar em sua cama, o único lugar que ela confiava seu choro, tão contido por um dia inteiro de um trabalho exaustivo e monótono, que outrora fora gratificante. Quisera ela ter esse prazer de novo, de trabalhar e ter o seu amor ao lado dela...Maldita escolha! Perguntava-se o porquê de tê-lo abandonado. Andava agora mais rápido, quase em ritmo de marcha atlética, querendo se teletransportar até sua cama quentinha e acolhedora, mas ainda faltava uns três minutos de caminhada nesse ritmo acelerado...Mas ela não se contia em si, o aperto no peito era muito forte, ia acabar chorando pela a rua, pagando um mico tremendo...Finalmente seu apartamento era no próximo quarteirão.

Já não se agüentando de dor nas pernas ela chegou, via secretária eletrônica piscando, avisando q tinha uma mensagem. A curiosidade prevaleceu diante da tristeza, ela desviou o caminho do quarto apertou para escutar a mensagem que dizia:
“...Oi, bem..Não sei como te dizer isso, e complicado encontrar palavras, mas é preciso. Você precisa ser forte, porque seu ex-namorado cometeu suicídio...O seu enterro vai ser...”

Um grito agudo de sofrimento interrompeu a audição da mensagem.

Um comentário:

HEBE disse...

OI...NOSSA,QUE HISTORIA TRISTE,MAIS MUITO MAIS COMUM DO QUE A GENTE POSSA IMAGINAR...POIS AS PESSOAS ESTÃO DEIXANDO O AMOR DE LADO POR OUTRAS COISAS QUE ELAS COLOCAM COMO PRIORIDADE NA VIDA...E MAIS TARDE,MUITO MAIS TARDE ELAS SE ARREPENDE,POIS DO QUE ADIANTA VC TER TUDO NA VIDA SE NÃO TIVER ALGUEM PARA AMAR...O AMOR E MUITO,MUITO MAIS IMPORTANTE DO QUE TUDO...O RESTO E SO CONSEGUENCIA DA SUA VIDA....TRISTE MAIS VERDADEIRA,MUITO BOA...ADOREI,BEIJOS NO SEU CORAÇÃO.,..HEBE